17/08/2022

Estudo mostra que mercado cresceu em 2015 graças ao desempenho dos produtos de seguro não-vida, principalmente com a recuperação econômica dos Estados Unidos, Ásia e Europa Oriental

Danos provocados no ano passado pelas catástrofes naturais e causadas pelo homem continuam inferiores ao valor registrado em 2014, que alcançou US$ 113 bi

Segundo executivos da empresa, posicionamento do Grupo em priorizar linhas de negócios de maior rentabilidade foi um reflexos do desempenho

Companhia, que também controla as operações da Indiana Seguros, apresentou crescimento acima do mercado em todas as linhas de negócios

Com foco nos ramos de automóvel e residência, seguradora também aumentou o lucro líquido e o resultado antes dos impostos e participações

Desempenho contribuiu para o lucro líquido recorde de R$ 378 mi, o que representa um crescimento de 16% ante 2014

Para 2016, foco da empresa será manter o crescimento e alcançar as metas do Plano Avançar

Resultado ficou no teto da projeção esperada pela companhia, que estimava um lucro ajustado para o ano entre R$ 3,6 a R$ 3,9 bi

Em 2015, lucro líquido recorrente da companhia foi de R$ 764 mi. Valor é 97% maior se comparado ao ano anterior, quando alcançou R$ 388 mi

Mais de R$ 1 bilhão em prêmios foram distribuídos no período