14/08/2022

Icatu assina parceria com a 42 Rio, braço da francesa École 42

Acordo entre as organizações auxilia na formação de programadores e desenvolvedores de software no Rio de Janeiro
zurich

A Icatu acabou de assinar uma parceria com a 42 Rio, a franquia carioca da francesa École 42, que iniciou o processo de formação de sua primeira turma de programadores e desenvolvedores de software no campus do Rio de Janeiro. Com mais de 6 mil inscritos na plataforma da unidade carioca, o processo seletivo teve três etapas e, ao final, 181 cadetes (como são chamados os estudantes) foram aprovados. Em sua maioria, pessoas com renda de até três salários-mínimos (47%) e sem experiência prévia em programação (77%).

“A Icatu acredita no acesso à educação como forma de transformar a vida das pessoas. E essa iniciativa contribui para a capacitação de jovens e a formação para o mercado de TI, que lida com déficit de profissionais no país. Como uma companhia de seguros que emprega mais de 400 profissionais da área de tecnologia e investe constantemente em inovação, identificamos uma sinergia muito grande nesta parceria com a 42 Rio”, afirma a diretora de Pessoas da seguradora, Camila Asenjo.

“Buscamos nos conectar com empresas que entendem o nosso propósito e acreditam na importância da democratização da educação e da empregabilidade dos mais jovens. A 42 Rio é um instituto de tecnologia sem fins lucrativos que recebe pessoas a partir de 18 anos, a maioria sem experiência em programação e condições financeiras para custear os estudos. Nossa proposta é totalmente gratuita para o estudante e inclusiva”, afirma Ana Cristina Mais, General Manager da 42 Rio.

O método da 42 Rio é o mesmo da École 42, que abriu sua primeira unidade em 2013, em Paris, e já está difundido em todo o mundo. Atualmente, são mais de 42 campus em 26 países, sendo o Brasil o primeiro da América Latina. A metodologia é a Peer-to-Peer (sem aulas e sem professores), e a aprendizagem acontece de forma prática através projetos desenvolvidos coletivamente pelos estudantes. A 42 está entre as 10 universidades mais inovadoras do mundo e aparece em 1º lugar no ranking de Valores Éticos de acordo com a WRUI (Universidade do Mundo de Real Impacto).

A formação completa possui 21 níveis, os quais são finalizados entre três e cinco anos, pois são os alunos que determinam o próprio ritmo de estudo. “Nossa proposta de aprendizagem é diferente de uma escola tradicional. É um formato para quem quer aprender a programar, mas também desenvolver habilidades sociocomportamentais. Na 42 costumamos dizer que não formamos apenas programadores, formamos Human Coders”, conta Ana Cristina Mais. No Brasil, além do Rio, a 42 também tem uma unidade em São Paulo. Desde sua primeira turma, já formou 12 mil alunos em diferentes países, com a marca de 100% de empregabilidade.

A parceria com a Icatu apoiará a continuidade do projeto na cidade e a ampliação de vagas disponíveis para as turmas. Vale destacar a importância da aproximação do instituto e da seguradora com as comunidades do entorno, fato que influenciou a decisão de que parte do processo seletivo da primeira turma tenha ocorrido no Morro da Providência, no centro do Rio.

Ainda na etapa do processo seletivo, realizada em fevereiro deste ano, a seguradora esteve presente em uma conversa com os alunos da 42 sobre carreira e TI, esclarecendo as dúvidas dos participantes. “É uma oportunidade de estarmos próximos dos futuros profissionais de tecnologia, apresentando a Icatu e nossas oportunidades de carreira e desenvolvimento”, reforça Camila.

N.F.
Revista Apólice