11/08/2022

Seguros registram alta de 21,3% em fevereiro

Segundo dados publicados na Conjuntura CNseg, o volume de negócios do setor totalizou R$ 26,7 bilhões no segundo mês de 2022
seguros

A arrecadação do mercado de seguros no segundo mês de 2022 foi maior que em janeiro e 21,3% superior na comparação com o mesmo mês do ano passado, totalizando R$ 26,7 bilhões em volume de negócios. Essa taxa também é a maior desde maio de 2021, informa a nova edição da publicação Conjuntura CNseg nº 69, da Confederação Nacional das Seguradoras.

O editorial assinado pelo presidente da entidade, Marcio Coriolano, destaca que o crescimento anualizado, levando em consideração os 12 meses móveis, aumentou dos 12,2% apurados no mês anterior para 13,4%. No bimestre, a movimentação de R$ 52,8 bilhões superou a do mesmo período de 2021 em 13,5%.

Para Coriolano, os dados consolidados do bimestre continuam a mostrar o mesmo padrão que vem pautando o desempenho setorial, ou seja, o comportamento heterogêneo, refletindo os efeitos diversos das condições econômicas.

Na comparação interanual do bimestre, que registrou um crescimento global de 13,5%, a liderança coube ao segmento de Danos e Responsabilidades, com 24,2% e volume de negócios de R$ 16,4 bilhões em relação aos dois primeiros meses de 2021. A maior representatividade foi do ramo de Automóveis, com crescimento de 21,3%. Na cobertura de Pessoas, o avanço foi de 8,7%, totalizando pouco mais de R$ 32 bilhões no bimestre.

No mesmo período, a procura por Títulos de Capitalização teve alta de 12,8%, mantendo a tendência de crescimento observada recentemente.

N.F.
Revista Apólice