05/07/2022

IturanMob terá frota de 20 mil carros até final de 2022

IturanMob nasce de uma parceria com a MobLab e pretende revolucionar o setor de compartilhamento de veículos no Brasil
Carro elétrico BMW, IturanMob

EXCLUSIVO – A Ituran divulgou nesta tarde os seus resultados de 2021 e as perspectivas para 2022. A grande novidade foi a criação da IturanMob, uma joint venture com a MobLab para fornecer uma plataforma de compartilhamento de veículos para locadoras de veículos, condomínios, frotas e grupo de uma forma geral.

A Ituran Brasil fechou 2021 com um crescimento em faturamento de 22% e projeta novamente expansão neste ano, de 10%. A receita para continuar avançando no mercado brasileiro são novas vertentes tecnológicas, ampliação de portfólio de produtos e aprimoramento na relação com cliente.

“Fechamos 2021 com crescimento de vendas em geral, nosso segmento de frotas (B2B) teve um recorde de crescimento de base ativa de 89% em comparação de 2020. Novas vertentes tecnológicas e relacionamento com cliente impulsionaram o crescimento no País”, destaca o CEO da Ituran Brasil, Amit Louzon, projetando que “em 2022, a empresa pode avançar ainda mais”.

Amit Louzon, CEO Ituran
Amit Louzon, CEO Ituran

O Brasil é o maior mercado da Ituran globalmente. Por isso, queremos investir em nosso parque de inovações aqui

Uma das apostas é o mercado de mobilidade urbana de carsharing e carpooling, com o anúncio em novembro de 2021 da criação da IturanMob, que começa agora a operar no Brasil. “A nova parceria estratégica com a startup de mobilidade urbana de carsharing e carpooling MobLab, formando uma joint venture voltada na implementação de soluções tecnológicas de mobilidade, a IturanMob, nos coloca em um novo mercado. Vamos avançar no segmento”, afirma Louzon.

Com a oferta de serviços da IturanMob, a Ituran Brasil pretende avançar ainda mais no segmento B2B.  No ano passado, o crescimento no segmento B2B, como um todo, foi de 70% em comparação do 2020. Para 2022, a expectativa é de uma expansão de 35%.

“Em 2021, ampliamos a cobertura para veículos até 25 anos, implementamos o carro reserva e passamos oferecer os seguros Perda Parcial e de peças e de conteúdo. Além disso, estendemos toda a expertise do Ituran com Seguro para o segmento de motos. E em 2022 mais novidades virão por aí”, promete o diretor comercial da Ituran Brasil, Roberto Posternak.   

Louzon lembra que o Brasil, em faturamento, é o mercado mais promissor da multinacional. O ganho global da empresa foi de US$ 245,627 milhões em 2020. “Somos líderes no grupo e projetamos um crescimento novamente em 2022. Essa é a nossa meta”, finalizou.

IturanMob

Paulo Henrique Andrade, CEO da IturanMob
Paulo Henrique Andrade, CEO da IturanMob

Paulo Henrique Andrade (PH) é o CEO da IturanMob e diz que o objetivo da startup é destravar o sistema de compartilhamento de veículos no Brasil, tornando-o mais simples. “Com a Ituran vamos conseguir tornar este negócio escalável”, comemorou.

A plataforma possui um modelo White Label, que pode ser usado por locadoras de veículos, condomínios, grupos que queiram aplicar sua marca. Ela plataforma promove a conexão entre os usuários e pode compartilhar caronas, por exemplo.

Quem possui uma frota pode ter acesso à plataforma, com validação, para a utilização sem muita burocracia e com facilidade.

O produto pode ser utilizado em várias aplicações, dentro e fora do País. “É fundamental fazer o monitoramento do ativo para garantir a segurança das transações, item garantido pela Ituran”, classifica Andrade.

A operação da plataforma visa diminuir o tempo para destravar um veículo e começar a utilizá-lo. O usuário fará a reserva na plataforma, irá destravar o veículo, acompanhará o monitoramento e a telemetria de uso do veículo.

O seguro deste modelo de atividade, segundo Louzon, deve encontrar garantias nos produtos on demand, ou liga e desliga. “Já não faz mais sentido termos o seguro do veículo. Agora, o produto será totalmente para o condutor e a forma como ele dirige o veículo”, completou o CEO da Ituran.

*com informações da assessoria de imprensa

Kelly Lubiato
Revista Apólice