previsul

Na segunda fase da campanha “Tá Seguro, Tá Previsul”, que celebra os 115 anos da Previsul e busca ampliar o debate sobre a cultura da prevenção, a seguradora destaca uma das coberturas essenciais para toda empresa, a cobertura Danos a Terceiros.

De acordo com um estudo realizado em 2019 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 21% das empresas brasileiras quebram após o primeiro ano em atividade. Para o CEO da companhia, Renato Pedroso, entre os vários motivos está a falta de organização financeira. “A cobertura Danos a Terceiros vem para assegurar que possíveis acidentes ocorridos no interior da empresa não comprometam o orçamento do negócio, vem para dar mais tranquilidade ao empresário e ao cliente”, explica.

Também chamada Responsabilidade Civil de Operações, esse tipo de cobertura faz parte do Seguro Empresarial da seguradora, que reembolsa o empresário por indenizações pagas a clientes. Outras facilidades, são: cobertura por incidentes causados no estabelecimento ou por funcionários em atividade e indenização de despesas hospitalares, transporte e reparos a bens de terceiros.

Telegram para post

“Tá Seguro, Tá Previsul”

Em agosto, a empresa completou 115 anos de atuação. Para comemorar, a seguradora lançou uma campanha de aculturação do seguro, intitulada “Tá Seguro, Tá Previsul”. O objetivo, segundo conta Pedroso, é mostrar que as coberturas dos seguros estão mais presentes no dia a dia do que imaginamos.

Por isso, o mote da campanha é trazer situações comuns à população e que podem ser resolvidas por meio das coberturas e assistências de um seguro, sempre a partir da pergunta “E se…”. Por exemplo: “E se um cliente cair na loja? Tá Seguro, Tá Previsul”, para falar da cobertura Danos a Terceiros, ou “E se o João quebrar um dente jogando futebol? Tá Seguro, Tá Previsul”, e abordar a cobertura de Despesas Médicas, Hospitalares e Odontológicas (DMHO), e assim por diante.

N.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta