rocha
Renato Rocha

A diretoria do CCS-RJ (Clube dos Corretores de Seguros do Rio de Janeiro) e seus associados lamentam profundamente e comunicam, com pesar, o falecimento de Renato Rocha, 1º secretário da Aconseg-RJ, ex-presidente por dois mandatos da entidade e CEO da Nova Fortaleza Assessoria.

Rocha faleceu no domingo, dia 12 de setembro, e será sepultado hoje, dia 13 setembro, no Crematório e Cemitério da Penitência, na Capela 8, às 13h.

Telegram para post

“Um profissional e uma liderança inconteste e competente das assessorias de nosso estado. Firmeza, experiência, dedicação e solidariedade são alguns dos adjetivos que definem este homem de conduta firme, mas extremamente fraterno e generoso com os colegas de trabalho. Rocha deixa um legado admirável para quem participa deste segmento importante de mercado, as assessorias de seguros. As nossas condolências aos familiares e amigos, que certamente sentirão a falta desta grande personalidade”, afirmou o presidente do CCS-RJ, Luiz Mário Rutowitsch.

A AECOR-RJ (Associação Estadual dos Corretores de Seguros) também a sua consternação e pesar pelo falecimento de Rocha. O diretor da entidade, Jayme Torres lembra que “Rocha começou a sua trajetória como office boy na seguradora Itatiaia no início dos anos 70 e foi promovido a inspetor de produção e seu primeiro corretor foi o meu pai, Jayme Torres Pereira. Mais adiante, tornou-se diretor comercial e saiu da Itatiaia para fundar a Fortaleza Assessoria, hoje Nova Fortaleza Assessoria, sendo também um dos fundadores da Aconseg-RJ”.

O diretor da AECOR-RJ destaca também que o executivo deixa um legado fenomenal e um exemplo a ser seguido pelos profissionais de todo país que desejam trilhar os caminhos deste importante segmento, “além de ter sido um exemplo de ser humano corajoso, digno e leal a uma legião de amigos, que jamais o esquecerão. Nossa solidariedade a filha de Renato, Jaqueline Rocha, e a todos os familiares e inúmeros colegas e amigos do mercado de seguros, que lamentam profundamente esta perda irreparável para o nosso setor”, concluiu Torres.

N.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta