chatbot

Com grande concorrência no mercado atual, as empresas do setor de seguros precisam de inovações e modernizações para se destacarem e garantirem melhores resultados. Entre as novas tecnologias e tendências aceleradas pela transformação digital, a inteligência artificial é uma das principais para o segmento.

Com a pandemia do coronavírus, 42% das seguradoras passaram a criar plataformas de negócios digitais, parciais ou completas e 38% estão incorporando tecnologias emergentes, como Internet das Coisas, blockchain e IA, de acordo com o estudo da NTT DATA. Além disso, 99% dos executivos acreditam na necessidade de uma mudança digital transformadora.

Outro levantamento da Tata Consultancy mostra que a indústria de seguros investe cerca de US$ 124 milhões em inteligência artificial, cerca de US$ 54 milhões a mais do que a média das outras indústrias pesquisadas.

Em geral, a inteligência artificial pode ser usada para a identificação de riscos e fraudes nos seguros, mas também no setor de atendimento e relacionamento com os clientes. Este último aspecto é uma das principais aplicações da IA atualmente por intermédio de chatbots inteligentes.

A Yellow Messenger é uma das empresas que atuam no segmento de chatbots com inteligência artificial para o setor de seguros. “Nossos assistentes virtuais inteligentes facilitam o contato do consumidor ou segurado com sua companhia, com atendimento rápido 24 horas e integração em diversos canais de comunicação”, afirma o CEO e cofundador da empresa, Raghu Ravinutala.

Telegram para post

Mas como os chatbots com inteligência artificial conseguem fornecer o atendimento adequado e quais são suas aplicações? O executivo explica que eles podem ser implementados nos mais diversos setores da jornada de compra do consumidor de seguros. “Os assistentes podem ser usados na pré-venda, nas vendas e no atendimento ao cliente. É uma ferramenta que permite um alto nível de personalização e suas possibilidades de uso são as mais variadas”, diz.

Ravinutala também lista essas possíveis utilizações do chatbot, como:

1. Apresentação de serviços e planos: os chatbots podem disponibilizar informações detalhadas dos serviços e ofertas, seja de seguro de saúde, automóvel, residencial ou vida, além de esclarecer as principais dúvidas dos consumidores sobre os planos, modelos de contratação, entre outras.

2. Cotação e contratação: com o assistente virtual inteligente, é possível fazer simulações dos serviços de seguros em uma conversa rápida e fácil de chat. Com isso, os clientes podem encontrar as opções adequadas às suas necessidades.

3. Atendimento automatizado: é normal que os segurados tenham dúvidas durante o uso do seu seguro ou problemas que necessitam de resoluções, como envio de segunda via de apólice e geração de boletos. Para isso, você não precisa de um atendente humano, já que o chatbot soluciona de forma automática, sem filas, com eficiência e alta taxa de satisfação dos consumidores.

4. Sinistros: por meio de uma conversa natural e simples, o cliente pode fazer o registro completo do sinistro, fornecendo informações e até enviando fotos. Depois, o segurado pode continuar acompanhando o andamento do sinistro de maneira automática com o auxílio do chatbot..

5. Sugestões de novas apólices: com capacidade de aprendizado e evolução, os chatbots com IA entendem cada vez mais as necessidades dos clientes, tornando-se capaz de recomendar novas apólices, propor ofertas e descontos personalizados para seguros que fazem sentido para a realidade do consumidor.

N.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta