seguro

O verão no Brasil, em especial no mês de março, é marcado pelas chuvas intensas após dias de forte calor. No último verão, a capital paulista, por exemplo, registrou um volume de chuva 30% maior que a média anual para o período, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). As chuvas intensas podem gerar enchentes, trazendo riscos para a saúde e integridade física das pessoas, e podendo danificar ou até inutilizar os bens materiais. Nesse momento, é importante se proteger e tentar minimizar os danos causados pelas inundações. Para isso, o seguro auto pode ser um bom aliado.

“Nos casos de fortes chuvas, como as que ocorrem em especial durante os meses do verão, o seguro tem um papel muito importante junto a sociedade. Nem todos sabem, mas o seguro de automóvel garante os danos causados por alagamentos ou enchentes. Os clientes da Azul Seguros ainda têm à disposição assistência 24 horas, resgate para o retorno à residência, dentre outras vantagens”, afirma o diretor-executivo da companhia, Gilmar Pires

No último verão, entre janeiro e março de 2020, a seguradora observou um aumento considerável dos acionamentos a partir das fortes chuvas que à época atingiam o país. “Nesse período houve um aumento de 80% nos registros de acionamentos de sinistros causados por alagamentos ou enchentes. Esse número mostra como o período é propenso para esse tipo de situação e só reforça a importância de contar com um seguro que possa auxiliar nesse tipo de caso”, destaca o executivo.

A empresa oferece no seguro auto cobertura para casos de submersão parcial ou total do veículo decorrentes de enchentes ou inundações, inclusive para os casos dos automóveis guardados em subsolos. Nestes casos, aliás, os guinchos que atuam no resgate de veículos também o fazem nas garagens subterrâneas.

Pires, porém, destaca que é fundamental que os segurados tenham consciência que em casos de alagamentos, independentemente do bem patrimonial amparado, é preciso garantir antes de tudo a integridade com a própria saúde. “É muito importante que o indivíduo pense em primeiro lugar na sua integridade física, buscando tomar decisões para proteger-se. As pessoas devem evitar se colocar em situações de risco”.

Por isso, a Azul Seguros separou cinco dicas para o segurado em casos de alagamentos provenientes de chuvas. Veja abaixo:

1 – Se estiver em uma rua alagada, evite ao máximo o contato com a água, que pode estar contaminada. Além da contaminação, as águas de enchentes costumam ser fortes e violentas, e dependendo do nível em que estiverem, podem impedir a visualização do local, gerando mais exposição à possíveis acidentes;

2 – Evite caminhar pelas águas, mas caso seja necessário, ande junto a muros e paredes. Tente utilizar cordas, e se possível, a ajuda de outras pessoas;

3 – Se possível, procure locais elevados para estacionar o seu veículo, e aguarde o nível de água diminuir para que possa sair do local com segurança. Caso não seja possível esperar a água passar, procure andar em segurança, mantendo distância do carro à sua frente;

4 – Se deparou com uma enchente ou alagamento? Ligue para 193 e acione o Corpo de Bombeiros. E para manter-se informado sobre chuvas na sua região, ligue o rádio do seu veículo, a informação pode ser uma parceira durante esse período;

5 – Após passar pela situação de enchentes, entre em contato com o seu corretor e a sua seguradora para que eles possam te auxiliar.

N.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta