A Porto Seguro passou a oferecer mais uma opção de entrada em seus novos planos de previdência privada. Além do aporte inicial no valor de R$ 1 mil, a adesão à ferramenta agora pode ser feita apenas com contribuição mensal a partir de R$ 200. A condição é válida para os planos individuais e para a previdência privada individual para crianças.

De acordo com Fernanda Pasquarelli, diretora de Vida e Previdência da companhia, o objetivo da mudança é dar mais flexibilidade aos corretores de seguros e seus clientes. “A previdência privada é um pilar essencial dentro do planejamento financeiro do brasileiro e, ao oferecer uma opção com uma condição de entrada mais acessível, oferecemos também mais uma alternativa para ajudar as pessoas a investirem no seu futuro”, diz a executiva.

Por que investir em previdência privada?

Embora os planos de previdência privada sejam lembrados muitas vezes como um investimento complementar aos benefícios pagos pelo INSS, as vantagens proporcionadas pela ferramenta vão além do complemento à aposentadoria.

Segundo Fernanda, ao investir em um plano de previdência, as pessoas conseguem manter no futuro tudo o que conquistaram ao longo da vida. “Elas ainda podem realizar projetos pessoais, como um intercâmbio ou a compra de um imóvel, por exemplo”, afirma.

Outra vantagem proporcionada pelos planos de previdência privada é a possibilidade de incluir coberturas de seguros em casos de invalidez e falecimento e pensões ao cônjuge, aos filhos menores ou por um prazo determinado até que a família possa se reequilibrar financeiramente.

N.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta