A Bradesco Auto/RE anunciou ao mercado uma nova proposta de segmentação do Produto Residencial Sob Medida, com coberturas mais personalizáveis, de acordo com a necessidade, estilo de vida e moradia de cada consumidor.

Além do seguro básico e acessório, comum a todos os segmentos, as transformações contemplam novas proteções para casa habitual, de veraneio e apartamento. Com cobertura para objetos de arte, joias, automóveis entre outros. “Nosso objetivo é oferecer uma experiência excepcional a clientes e corretores, para isso realizamos investimentos em pesquisas e aprimoramento de produtos e serviços”, afirma Saint´Clair Lima, diretor da seguradora.

Um dos atrativos e diferenciais da segmentação é a cobertura inédita para atividade comercial na residência, que ampara desde escritórios a pequenos comércios ou estabelecimentos dentro da moradia habitual. “O seguro residencial passa a ser visto pelo consumidor como prioridade, pois o ambiente de trabalho e a residência se misturam com a prática crescente do home office. Com isso, o setor se prepara para mudanças tanto na forma de comercialização, como também na elaboração de produtos que atendam as novidades e riscos do trabalho a distância, entre eles os seguros para equipamentos mais sofisticados instalados nas residências”, diz o executivo.

– Sob Medida Casa: novas coberturas para danos em jardim e atividade comercial na residência;
– Sob Medida Apartamento: nova cobertura para atividade comercial na residência;
– Sob Medida Veraneio: nova cobertura para danos ao jardim;
– Sob Medida + (seguro contratado para residências a partir de R$ 1 milhão): novas coberturas para joias, pedras, metais preciosos e semipreciosos, objetos de arte ou artísticos, históricos, raridades, antiguidades ou vitrais, danos ao jardim, atividade comercial na residência e cobertura de automóvel na residência.

Leia mais: Seguro residencial é aliado na prestação de serviços durante a quarentena

É importante ressaltar que, independente do segmento, todas as coberturas contemplam desde danos causados por incêndios, envolvendo equipamentos elétricos ou causados por materiais sólidos e líquidos, até explosões, além de queda de raio, roubo, alagamentos entre outros imprevistos. O seguro ainda disponibiliza assistências emergenciais gratuitas 24h por dia, como chaveiro, vigilante, serviço de mão de obra elétrica e hidráulica etc. “O gasto com recuperação ou limpeza de um imóvel destruído é alto para quem não tem seguro. E pensar que, geralmente, a proteção residencial representa apenas 0,1% ou 0,2% do valor do imóvel”, conclui Lima.

N.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta