EXCLUSIVO – Em mais uma edição do evento “Diálogos Apólice”, a jornalista Kelly Lubiato recebeu hoje, 10 de setembro, o presidente do grupo Bradesco Seguros, Vinicius Albernaz. Durante a transmissão ao vivo, o executivo falou um pouco dos resultados operacionais da seguradora e também debateu sobre como conciliar as necessidades dos clientes, corretores e colaboradores no mercado de seguros.

A companhia registrou crescimento de 5,1% no resultado das operações de Seguros, Previdência e Capitalização no segundo trimestre de 2020, quando comparado ao mesmo período do ano passado. Nos três primeiros meses do ano, o crescimento foi de 28,9%. Para Albernaz, os índices refletem a agilidade com que a empresa tomou decisões antes mesmo da pandemia ocasionada pela Covid-19 atingir o Brasil. “Há anos nós temos desenvolvido um trabalho focado em sustentabilidade do negócio no longo prazo, e isso nos ajudou a adotar medidas que aliviassem um pouco o impacto da crise e preservasse a saúde e a integridade dos nossos colaboradores e segurados”.

Sobre os novos hábitos de consumo, a conciliação do atendimento ao cliente e os colaboradores trabalhando em regime home office, o executivo acredita que os investimentos em tecnologia fizeram a diferença e, apesar da diminuição do contato com o consumidor em alguns processos, a pandemia é positiva por ter acelerado a transformação digital nas organizações. “Atualmente, o segurado deseja se relacionar de uma maneira cada vez mais digital, cabendo a nós, seguradoras, oferecer soluções que atendam suas necessidades. Hoje 87% dos nossos reembolsos, por exemplo, são feitos pela internet, e queremos ampliar isto para o maior número de produtos possível. Nosso objetivo é melhorar esses canais para proporcionar mais rapidez no serviço”.

Albernaz também destacou a importância de capacitar os corretores e oferecer treinamentos para que os parceiros possam se adaptar a esta nova realidade e aumentar as suas vendas, afirmando que a pandemia revelou um aumento da produtividade na companhia. O executivo disse que é papel das seguradoras dar suporte ao corretor e deixa-lo ciente das novas tendências do mercado. “Acredito muito no crescimento do seguro de vida, da previdência privada e de benefícios que garantem a proteção financeira do cliente. Desde o início da pandemia, a Bradesco realizou diversos treinamentos online para mais de 56 mil corretores, pois são eles o nosso principal ponto de contato com o segurado”.

Recentemente a empresa ofereceu descontos para que os correntistas do Bradesco adquiram um seguro automóvel com valor 10% menor, maior prazo para pagamento e outras vantagens. O presidente do grupo disse que isso se deve ao fato de que a seguradora está trabalhando em conjunto com o banco para levar educação financeira a um maior número de pessoas, pois é através dela que o mercado vai conseguir uma maior penetração no País. “Outro lado positivo da pandemia é que agora as pessoas estão mais conscientes sobre a necessidade de estarem protegidas. Precisamos atuar de maneira mais enfática para demonstrar as virtudes do seguro, e só iremos conseguir isso investindo em campanhas e em uma boa comunicação com o público”.

Albernaz afirmou estar otimista em relação ao futuro e que o coronavírus veio para fazer o setor enxergar mais oportunidades, ressaltando que o mercado deve pensar de maneira mais subjetiva e atuar cada vez mais potencializado pela tecnologia. “Apesar de estar otimista, precisamos lembrar que 2020 não acaba em dezembro. Ainda iremos sentir as consequências da crise no ano que vem, pois a recuperação da economia vai ser lenta. Na Bradesco iremos focar na nossa atuação multirramos e desenvolver novas soluções para que o corretor possa desempenhar seu papel de consultor. A realidade do cliente muda com o passar dos anos e precisamos oferecer proteção em cada fase da vida dele”.

Caso tenha perdido a live, clique no link e assista o evento.

Nicole Fraga
Revista Apólice

Deixe uma resposta