EXCLUSIVO – Segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), mais de 12,9 milhões de pessoas encontram-se desempregadas no Brasil atualmente. Pensando em como ajudar os brasileiros neste momento difícil, ainda mais durante uma pandemia, a Porto Seguro lançou o projeto “Meu Porto Seguro”.

A seguradora tem como objetivo oferecer capacitação via EAD e uma renda extra mensal no valor de R$1.500 reais por três meses para 10 mil pessoas. Durante uma coletiva de imprensa realizada hoje, 8 de julho, a empresa informou que o pré-cadastro para candidatura à vaga já está disponível através do site do projeto e que já foram recebidas 80 mil inscrições até o momento.

“É nosso dever como empresa auxiliar a população nesta situação que o mundo está passando. O Meu Porto Seguro nada mais é do que uma oportunidade de educar, qualificar, formar trabalhadores mais preparados e ainda oferecer uma renda extra para quem se encontra sem emprego. Nossa intenção é criar opções para que os brasileiros possam percorrer novos caminhos em sua jornada pessoal e profissional”, afirmou Bruno Garfinkel, presidente do Conselho de Administração da companhia.

As primeiras contratações devem acontecer a partir do dia 3 de agosto e serão feitas em etapas até o final do ano. Para que as informações sobre o projeto alcancem um maior número de pessoas, a seguradora incentiva os candidatos a indicarem amigos para participar. “Queremos contratar quem representa a cara do Brasil, por isso a única exigência para participar do programa é que o participante tenha no mínimo 16 anos e uma carteira de trabalho. Não iremos avaliar qualificações ou formação acadêmica, pois nosso objetivo é ajudar o aprendizado e espalhar o conhecimento sobre a importância do seguro”, diz Carolina Zwarg, diretora Institucional e de Recursos Humanos da empresa.

A seguradora também está em busca de influenciadores, celebridades, ativistas sociais e outras empresas para fomentar o projeto com a utilização da #MeuPortoSeguro, criando uma rede de compartilhamentos do bem e um movimento em prol das contratações. Além disso, as pessoas contratadas irão trabalhar na geração de leads, que nada mais é do que um processo de identificação de interessados em algum produto/serviço da companhia, para que os corretores de seguros parceiros da empresa possam fechar negócio.

Leia mais: Porto Seguro anuncia novo produto do ramo de Responsabilidade Civil

“Antes de elaborarmos essa iniciativa escutamos todos os funcionários, corretores e os prestadores de serviço sobre qual seria a melhor forma de ajudar a sociedade. O projeto vai contar com trabalho de maneira remota e iremos utilizar a tecnologia, como o uso de Inteligência Artificial e dados da companhia, para que isso seja possível. Me sinto orgulhoso por participar de uma organização na qual acionistas abriram mão do seu lucro para auxiliar quem mais precisa. É importante lembrar que pessoas que já estão no mercado segurador também podem participar do projeto”, ressalta Roberto Santos, presidente executivo da seguradora.

Nicole Fraga
Revista Apólice

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta