Em parceria com o Hospital Israelita Albert Einstein, a Care Plus lançou em novembro de 2017 o programa Einstein Conecta, um serviço de consulta médica por videoconferência que funciona 24 horas por dia e sete dias por semana. Para isso, basta ter acesso a um dispositivo com áudio, vídeo e conexão com a internet, como celulares, tablets e computadores.

Pesquisas mostram que um paciente leva em média de cinco a seis horas – entre trajeto, espera e atendimento – para passar por uma consulta em pronto-socorro, enquanto o programa da operadora oferece isso em questão de minutos. Além disso, evita idas desnecessárias a prontos-socorros, que deveriam ser utilizados apenas em situações emergenciais.

Trata-se de um programa que garante comodidade e agilidade, mas sem perder a qualidade dos serviços médicos. “A companhia está antenada às novidades na medicina, mas sempre respeitando todos os protocolos médicos”, explica o diretor médico da empresa, Ricardo Salem.

“O Einstein Conecta tem se mostrado um aliado na otimização do sistema de saúde, ampliando o acesso a medicina a um custo permissivo. A Care Plus foi a primeira operadora de saúde premium que acreditou no potencial da telemedicina do Hospital para permitir que, juntos, possamos aprimorar os processos”, comenta o coordenador médico da telemedicina do Einstein, Dr. Carlos Pedrotti.

Leia mais: Care Plus lança programa focado em saúde mental

Por meio de estudos, a operadora detectou que em 95% dos casos atendidos pelo programa, o paciente de fato não precisava ir ao pronto-socorro. Ou seja, a telemedicina não só facilita a vida do beneficiário, mas também de quem de fato necessita do serviço do pronto-socorro e pode ver as imensas filas dos hospitais diminuírem.

A própria equipe da Care Plus já faz uso da ferramenta. A sede da empresa conta com uma cabine de telemedicina, pronta para ser utilizada por qualquer colaborador, que dispõe de dispositivos para obter medidas simples como pressão arterial, frequência cardíaca e temperatura. Alguns clientes também já contam com esse modelo in-company e o plano é expandir o sistema oferecendo esse formato para mais clientes.

A operadora ressalta que o programa é indicado em casos específicos e de menor gravidade, como alergia, conjuntivite, dor de garganta, dor muscular, enxaqueca, febre e resfriado.

Garantia de atendimento completo

Para oferecer ao paciente acesso aos medicamentos, caso necessário, a telemedicina permite envio de prescrição médica. Dessa forma, receitas para medicamentos e prescrição de exames são enviados por e-mail, com assinatura do médico que conta com a certificação digital.

N.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta