Os brasileiros estão mais atentos em relação aos cuidados com a saúde. Dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF) apontam que, somente no segundo trimestre deste ano, o faturamento das franquias dos setores de saúde, beleza e bem-estar tiveram um crescimento de 6,6%, frente ao mesmo período do ano passado.

A diretora de Seguros Gerais da Mapfre, Patricia Siequeroli, comenta que os segmentos ligados à saúde têm demostrado capacidade de resiliência, mesmo em períodos de adversidade econômica. “O aumento da expectativa de vida dos brasileiros deixou as pessoas mais atentas sobre a importância de se ter uma rotina preventiva, com consultas regulares aos especialistas das áreas médica e odontológica. E isso tem ajudado a impulsionar os negócios deste ramo”, explica.

Leia mais: Lucro da Mapfre cresce nos nove primeiros meses do ano

Proteções específicas

Apesar de oferecer amplas oportunidades aos empreendedores que pretendem investir no segmento, os ramos relacionados à saúde têm alta exposição a questionamentos judiciais em virtude de imprevistos que venham a ocorrer durante os procedimentos realizados pelos profissionais da área. Por este motivo, contar com uma proteção que os resguarde é fundamental para a sustentabilidade do negócio.

O mercado segurador já disponibiliza proteções que possuem exatamente essa função. A apólice protege o segurado de processos por erros ou omissões no exercício da sua atividade garantindo, inclusive, mediante análise prévia, o pagamento de valores referente a acordo extra judicial, honorários de advogados e custos do processo.

A executiva complementa ainda que, recentemente, uma resolução do Conselho Federal de Odontologia (CFO) permitiu que os cirurgiões-dentistas realizem a harmonização orofacial, que consiste em procedimentos estéticos no rosto. O seguro de Responsabilidade Civil já contempla, até mesmo, situações que possam ocorrer neste tipo de procedimento.

N.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta