(Crédito: Blog E-Inscrição)

Rob Galbraith, diretor de Inovação do AF Group e autor do livro “O fim do mercado de seguros como conhecemos”, é uma das atrações no 13º Insurance Service Meeting e no 4º Encontro de Inteligência de Mercado – eventos simultâneos promovidos pela CNseg, de 6 a 7 de novembro, no Transamérica Expo Center, na cidade de São Paulo. As inscrições encerram nesta sexta-feira, 1° de novembro.

O especialista norte-americano discutirá as profundas mudanças previstas no setor segurador nos próximos anos, tendo em vista o acelerado avanço tecnológico. Galbraith apresentará dicas para a longevidade das companhias em um ambiente digital, falará sobre algumas das tecnologias que deverão se consolidar no setor, como a telemetria, a inteligência artificial e a chamada Tecnologia de Registro Distribuído (DLT, na sigla em inglês), cuja primeira infância é representada pelo Blockchain, e o novo perfil da mão de obra.

“As seguradoras devem fazer três coisas importantes para se adaptar a esse mundo de mudanças aceleradas: primeiro, devem enfrentar com afinco suas ineficiências e pendências técnicas causadas por sistemas e processos desatualizados, procurando maneiras de avançar no século XXI; em segundo lugar, devem estar dispostas a encontrar parceiros confiáveis que possam ajudá-las nessa jornada, incluindo as insurtechs, em vez de seguirem sozinhas, e devem preparar seus funcionários para esse novo mundo, fornecendo treinamento e comunicação contínuos para ajudá-los a trabalhar efetivamente com a tecnologia, pois os funcionários que não o fizerem serão substituídos por essa mesma tecnologia”, destaca Rob Galbraith.

O evento reúne executivos e especialistas das áreas de Tecnologia da Informação, Negócios, Produtos e Serviços, interessados em avaliar inovação e avanços tecnológicos no setor. Nessa 13ª edição, os participantes vão debater também temas como ética e a tecnologia usada para ampliar a compreensão de doenças e oferecer alternativas de tratamento.

Outros desafios

No 4º Encontro de Inteligência de Mercado, especialistas se debruçarão sobre tendências do mercado segurador brasileiro. Entre as quais, destacam-se: “os desafios para a ampliação da base de clientes”, “o público sênior e sua relação com o setor de seguros” e “a transformação digital em curso na China e seus impactos econômicos e sociais”.

O estudo “Panorama Digital do Mercado Segurador”, realizado pela Comissão de Inteligência de Mercado da CNseg, revelou que 90,3% das empresas que participaram dessa pesquisa possuem uma área dedicada ao tema transformação digital. O trabalho contou com empresas que respondem por 48,5% do market share dos mercados supervisionados pela Susep e ANS.

Leia mais sobre: CNseg lança glossário do seguro digital

A pesquisa revelou que as empresas, de uma forma geral, possuem planos de uma transformação digital mais abrangentes e que envolvem mudanças profundas no modo de realizar negócios e na cultura corporativa. E indica que a transformação digital no setor segurador está em desenvolvimento, mas precisará ser mais célere para que as empresas se mantenham competitivas (61,4%), assinalando que todas as seguradoras serão impactadas em larga escala pela transformação digital (79%).

G.R
Revista Apólice

Deixe uma resposta