A seguradora Zurich lançou a segunda edição do seu Campeonato de Inovação, voltado para startups e empreendedores de todo o mundo que contam com tecnologias comercialmente viáveis e modelos de negócios inovadores.

Com o tema “Protegendo a Próxima Geração”, o concurso tem um foco claro em buscar soluções sustentáveis para problemas globais e que contribuam positivamente para a sociedade, com ideias em torno de prevenção e mitigação de riscos que possam ser aplicadas em áreas como saúde, mobilidade, viagens, riscos cibernéticos, previdência e mudanças climáticas.

O concurso terá três etapas: nacional, regional e global. Os vencedores nacionais serão selecionados em janeiro de 2020 e continuarão nas rodadas regionais, divididas em Ásia-Pacífico, América do Norte, América Latina, Europa e Oriente Médio. Os vencedores gerais da rodada regional, a serem selecionados em junho de 2020, participarão de uma rodada global final, que acontecerá em agosto de 2020.

Leia mais: Zurich promoveu encontro em Goiânia com corretores e parceiros

As startups vencedoras da rodada final terão oportunidade de desenvolver projetos pilotos nas unidades locais da organização, com a finalidade de disponibilizar produtos e serviços aos clientes da seguradora em seus países e regiões, podendo ser expandidas globalmente.

“A competição está alinhada com nossa missão de ajudar os clientes a se tornarem mais sustentáveis ​​e resilientes, além de promover o crescimento de startups que trazem abordagens inovadoras para esse trabalho”, disse Giovanni Giuliani, chefe de Estratégia; Inovação; e Desenvolvimento de Negócios da empresa.

A primeira edição do Campeonato recebeu mais de 450 inscrições de 49 países. A seguradora está trabalhando com todos os quatro vencedores em projetos, que vão desde melhorar o bem-estar físico e mental, reduzir o desperdício de água até simplificar e acelerar os processos para os clientes.

Rodrigo Barros, diretor de Inovação e Estratégia da companhia, destaca que a competição é uma oportunidade para as startups locais, que já vêm desenvolvendo um trabalho na área da inovação. “O Brasil tem um destaque nessa área, com insurtechs extremamente capacitadas. Participar do concurso é uma chance de trabalhar oportunidades, ampliando sua ideia e expandindo negócios, além de aumentar a credibilidade junto aos investidores”, afirma

Vale lembrar que as startups participantes do Campeonato podem continuar a buscar investimentos e parceiros no mercado, sem exigência alguma de exclusividade para a competição.

As inscrições para o segundo Campeonato de Inovação estão abertas no site até o dia 17 de dezembro. As startups que se inscreverem antes de 24 de outubro terão a oportunidade de serem selecionadas a receber treinamento, com a finalidade de melhorar suas chances de chegar à próxima rodada.

N.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta