O diretor de Desenvolvimento Setorial da ANS, Rodrigo Aguiar, e o diretor-adjunto Daniel Pereira estiveram em Brasília para a IX Reunião do Grupo de Trabalho de Cooperação Técnica Brasil – Colômbia, que aconteceu na sede da Agência Brasileira de Cooperação (ABC). Na ocasião, foi celebrado pelas autoridades brasileiras e colombianas a assinatura da ata com os compromissos assumidos por ambos os governos para o programa de cooperação técnica 2019-2021, que permitirá o primeiro projeto de cooperação internacional da entidade.

Durante o encontro, Pereira realizou uma apresentação sobre o papel da ANS no contexto de regular os planos de assistência à saúde no Brasil e salientou que o projeto de cooperação permitirá uma troca de experiências. “Através deste acordo, poderemos destacar uma evolução no programa de avaliação de desempenho da saúde suplementar e uma melhor avaliação dos indicadores de gestão interna da Agência”, avaliou.

Leia mais: Promoprev alcança marca de 1.868 programas cadastrados na ANS

Aguiar enfatizou a importância do projeto, que ressalta o fortalecimento das capacidades técnicas da entidade na elaboração de indicadores estratégicos e de gestão e fortalecimento da ANS no controle de gastos em saúde. “A cooperação internacional tem se revelado como um valioso instrumento da política externa do Brasil. Neste projeto, vislumbro uma oportunidade onde os dois países serão beneficiados, promovendo o bem-estar e revitalizando a parceria global para o desenvolvimento sustentável, compartilhando as boas práticas e medidas de regulação”, comemorou.

No fim da reunião, o embaixador Ruy Pereira evidenciou que o encontro foi oportuno para reafirmar o dinamismo das relações bilaterais e a assistência ao projeto. “Fico muito feliz que o primeiro projeto da ANS seja com a Colômbia e com a ABC. Tenho certeza que estamos prontos para fornecer todo o apoio necessário”, declarou.

Na comitiva do governo colombiano, participaram da reunião a responsável pelo programa de cooperação técnica na embaixada da Colômbia no Brasil, Luz Maria Fernandez; o ministro Edgar Rodrigo Rojas Garavito, da embaixada; a diretora geral da Agência Presidencial de Cooperação Internacional da Colômbia (APC), Ângela Ospina Nicholls; o embaixador da Colômbia no Brasil, Senhor Dario Montoya; e a chefe da delegação colombiana e ministra plenipotenciária Marcela Ordoñez Fernandez, diretora de Cooperação Internacional do Ministério das Relações Exteriores da Colômbia.

N.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta