O CCS-SP recebeu em seu almoço, no Circolo Italiano, a diretoria e executivos da Bradesco Seguros. “É um prazer estar aqui. Contamos com o corretor de seguros como nosso parceiro e reafirmamos esse compromisso de longo prazo com o mercado”, disse Vinicius Albernaz, presidente da seguradora.

Albernaz mencionou a disposição da empresa de desonerar o corretor para que este possa maximizar o relacionamento com os seus clientes. Para tanto, informou que a companhia está investindo na melhoria dos seus canais de comunicação e na oferta de produtos de todos os ramos de seguros. “A nossa obrigação é ser multirramo e a evolução do corretor também passa por esse caminho”, afirmou o executivo.

Leia mais: CCS-RJ realiza almoço com alta cúpula da Bradesco Seguros

Os desafios da longevidade, um dos focos da seguradora, também foram comentados pelo presidente, que enxerga oportunidades para o seguro e a previdência privada. “Sabemos que o desafio está associado à tendência do aumento de doenças crônicas, degenerativas, obesidade etc. Muitos clientes têm riscos desprotegidos. Temos de melhorar a oferta de produtos para suprir esse gap de proteção”, ressaltou.

(FOTO: Antranik Photos) Anderson Fabiano Mundim Martins, Alexandre Camillo (Sincor-SP), Evaldir Barboza de Paula, Vinicius Albernaz, Leonardo de Freitas, Duilio Varnier Junior e Adevaldo Calegari (ex-mentor do CCS-SP)

A mudança de comportamento do consumidor, as novas gerações e as tecnologias digitais foram alguns dos temas que Leonardo de Freitas, diretor Comercial, propôs para a reflexão. Em sua avaliação, o mercado deve descobrir formas de oferecer seguro para as novas gerações. “O setor está mudando e vão sobreviver aqueles que tiverem a capacidade de se adaptarem às mudanças”, disse.

Novidade

Especialmente para o encontro com os associados do CCS-SP, a Bradesco convidou representantes da Swiss Re Corporate Solutions, sua parceira na joint venture para comercialização de seguros para grandes riscos. Segundo Guilherme Perondi, diretor Comercial e Marina Neufeld Schechner, head de Responsabilidade Civil Geral e Linhas Financeiras, a seguradora também está lançando produtos na área de linhas financeiras.

O primeiro produto nessa área é o seguro D&O, que protege executivos contra atos de sua administração que venham a ser questionados na justiça. “Um argumento interessante é que o prêmio é pago pela empresa, mas o beneficiário é o executivo”, disse Perondi. Ele acrescentou que o produto é abrangente e tem como alvo desde pequenas e médias empresas até as grandes, com faturamento de até R$ 1 bi.

Para os associados da entidade, Marina anunciou uma boa nova: a oferta de treinamento e capacitação para a venda de seguro D&O, que será realizado nas dependências da seguradora, no centro da capital. “Muitos pensam que o D&O é complicado, mas não é. No workshop vamos explicar como funciona, todas as coberturas, as responsabilidades do executivo e etc.”, disse.

O mentor da associação, Evaldir Barboza de Paula, comemorou a iniciativa. “O Clube deseja estimular os corretores a aproveitarem a grande oportunidade que esse seguro oferece”, disse. De acordo com o superintendente Duilio Varnier Junior, o encontro serviu para alinhar as expectativas. “Temos novos produtos para que o corretor seja multirramo e possa levar soluções aos seus clientes”, disse.

Inovações

Apesar do desempenho da economia, o Grupo Bradesco Seguros encerrou o primeiro trimestre do ano com lucro de R$ 1,8 bilhão, o que representa evolução de 16,1% em relação a 2018, segundo dados apresentados pelo superintendente Anderson Fabiano Mundim Martins. Nas linhas de negócios, os ramos que mais cresceram foram saúde (120%), auto/RE (82%), capitalização (9%) e vida e previdência (6,3%).

Mundim também apresentou as inovações da seguradora em produtos. No ramo vida, por exemplo, a novidade é a opção de pagamento com cartão de crédito. No seguro saúde, que no ano passado recebeu 2,9 milhões de solicitações de reembolso, os diferenciais vão desde os descontos para a contratação conjunta com o dental até o uso do portal para a solicitação de reembolso.

No seguro residencial, o destaque foram as 26 coberturas oferecidas, que além da básica também garantem proteção contra roubo de bens (incluindo bicicleta), danos elétricos, responsabilidade civil familiar e outras. Já no automóvel, ele expôs as melhorias recentes do produto, como a decodificação de chassi e placa, que facilita o processo de cotação, e a possibilidade de o próprio segurado realizar a vistoria.

Um serviço para o corretor, o Renova Fácil, segundo o executivo, tem recebido elogios por oferecer melhor condição de preço e por um diferencial: avisar ao detentor da apólice que o segurado está realizando outras cotações. Já o recém-lançado Sinistro Fácil possibilita ao segurado enviar o aviso de sinistro por meio de aplicativo. O superintendente destacou, ainda, algumas novidades, como os descontos para correntistas do banco e o inédito pagamento em dinheiro para terceiros, até o limite de R$ 10 mil.

No encerramento do evento, o mentor Evaldir Barboza de Paula elogiou as iniciativas da companhia para melhorar a prospecção de negócios dos corretores e convidou os associados a participarem da capacitação no seguro D&O. “A Bradesco quer a nossa parceria e temos de aproveitar essa grande oportunidade”, disse. Em seguida, a diretoria da entidade homenageou os executivos da seguradora com uma placa.

N.F.
Revista Apólice

2 COMENTÁRIOS

  1. Aprecio com bom gosto os conteúdos publicados na revista apólice e tenho aprendido muito com a forma de abordagem dos temas, sendo também jornalista da primeira revista de seguro privada em Moçambique, recentemente criada.

Deixe uma resposta