Monitorar os setores de uma corretora de seguros exige que você tenha domínio sobre as tarefas. Informações como fluxo de venda, cadastro de clientes, orçamentos, sinistros e renovações exigem atenção dos colaboradores. O mesmo controle é fundamental para o repasse das comissões de vendas, basta um cálculo errado para que o repasse se torne motivo de desconforto. Para resolver situações como essas, indicaremos como é possível fazer o controle de repasse de comissão de maneira simples.

(FOTO: Divulgação) Fernando Rodrigues

O controle de repasse de comissão na corretora de seguros

Realizar o controle do repasse de comissões no dia a dia da corretora de seguros significa acompanhar os valores transferidos pelas seguradoras e dividi-los de acordo com a participação do colaborador da forma mais correta possível. Porém, para algumas corretoras, esta tarefa ainda é um problema. Quando um cálculo do repasse é feito errado, o responsável pela venda pode receber um valor abaixo do esperado e o percentual de lucro da empresa será maior, ou vice-versa. Isso cria um ambiente propício para fofocas e desconfianças entre a equipe, além das possíveis perdas financeiras para a corretora de seguros.

A decisão correta é deixar de lado o antigo método de administrar os repasses através de planilhas. Sistemas de gestão específicos para corretoras de seguros eliminam o trabalho manual da equipe e oferecem segurança nas transações.

Qual a melhor maneira de fazer o controle de repasses?

Para solucionar os problemas causados pela falta de controle nos repasses a corretora precisa ter o apoio de um software completo. Através de ferramentas ágeis e protegidas, a rotina de calcular repasses e enviar ao corretor responsável é feita automaticamente pelo sistema de gestão.

Saiba como um software desenvolvido para corretoras de seguro faz o controle de repasse e também beneficia a rotina de trabalho com:

– Segurança
Softwares têm funções para calcular a comissão de acordo com a venda e liberar os valores conforme as negociações. No final do processo, alguns sistemas ainda mostram o recibo de repasse para a efetivação do pagamento.

– Relacionamento
Com o repasse preciso, o corretor sente confiança em representar a corretora. Além disso, estará sempre motivado a trabalhar para o desenvolvimento da corretora e de seus repasses progressivamente.

– Financeiro
Permite identificar as movimentações de vendas, como os valores das comissões enviados pelas seguradoras, o quanto será destinado a cada vendedor e qual a parcela de lucro para a corretora. Ou seja, você tem uma visão ampla do início ao fim das negociações para o fechamento da apólice.

 

* Fernando Rodrigues, diretor Comercial e Financeiro da Quiver.

Deixe uma resposta