No dia 23 de maio, o Grand Hyatt Hotel, em São Paulo, foi palco do Lockton Financial Lines Day, evento promovido pela corretora de seguros Lockton, e contou com a participação de executivos do setor.

Mediado pela jornalista Carla Vilhena, as palestras foram divididas em três painéis. João de Girolamo, diretor da Swiss Re Corporate Solutions, participou do primeiro, junto com Fernanda Felício, advogada da Pottencial Seguradora; Cassio Amaral, sócio da Mattos Filho Advogados; e Cristina Tseimatzidis, head de Financial Lines da Lockton. Os palestrantes discutiram o tema: “Evolução do seguro garantia judicial no Brasil e perspectivas de mercado”.

Di Girolamo, diretor da Swiss Re, falou sobre a importância do seguro garantia judicial e como ele funciona. “O seguro garantia irá cobrir depósitos e pagamentos que o autor ou réu tenham que fazer no decorrer do processo judiciário. Sejam eles para garantir decisões liminares ou fases executórias. O cliente poderá contar com isso com uma caução, mas quem vai dar a palavra final sobre o processo judicial, é o juiz.”, relatou.

O segundo painel abordou o tema: “O mercado de seguros como ferramenta importante para financiamentos e alavancagem de crédito corporativo e operações estruturadas”. Contou com a presença dos palestrantes Franklin Nogueira, Head de Seguro de Crédito e Riscos Políticos Lockton; Thais Ferreira, Head de Seguro Garantia Lockton; Daniel Nobre, CEO da Atradius; Roque Mello, vice-presidente da Junto Seguros; e Fabricio Bonadio, superintendente da Fator.

Unanimidade entre os palestrantes da segunda parte da palestra, questões de infraestrutura foram mais sinalizadas e ganharam uma maior atenção. “O seguro garantia tem uma particularidade muito interessante. Garante de ponta a ponta. O fato é que esse produto nasceu com uma necessidade de obras de infraestrutura, sendo desenvolvido junto com as obras”, alegou Mello, vice-presidente da Junto.

O terceiro e último painel contou com o economista Ricardo Amorim, que traçou um paralelo da economia nos governos anteriores e fez prognósticos para o atual. A palestra teve como tema central: “Compreendendo os ciclos econômicos: a chave para o sucesso dos negócios e dos investimentos financeiros” e “Como aproveitar as oportunidades?”.

Gabriel Rocha
Revista Apólice

Deixe uma resposta