Sudeste – A Reforma da Previdência deverá ser o grande primeiro teste do governo Jair Bolsonaro logo no início de 2019. O modelo de capitalização, proposto pelo futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, com base no exemplo do Chile, será um dos focos de debate em um seminário, na semana que vem, que discutirá a reforma previdenciária.

O evento, que acontece em São Paulo, hoje (4), contará com a presença do professor da Faculdade de Economia e Negócios da Universidade do Chile, Andras Uthoff, conselheiro regional da Organização Internacional do Trabalho (OIT) que participou da Comissão sobre Reforma do Sistema de Pensões e da Comissão sobre Reforma do Sistema de Seguro de Saúde do Chile. Uthoff falará sobre a experiência chilena, assim como o professor do Instituto de Economia da Unicamp, Eduardo Fagnani, que fará um comparativo do modelo chileno com as propostas que estão sendo debatidas no Brasil. A situação do sistema previdenciário brasileiro será abordado na palestra de José Ricardo Sasseron, ex-presidente da Associação Nacional dos Participantes de Fundos de Pensão e ex-diretor do Sindicato dos Bancários de São Paulo.

O seminário, organizado pelo escritório Crivelli Advogados Associados, contará, ainda, com a participação da psicóloga Ana Mesces Bahia Bock, que falará sobre “medo coletivo e fascismo”; e do advogado Ericson Crivelli, consultor jurídico da OIT, que fará análise da conjuntura e os próximos passos para resolver o problema da Previdência brasileira.

“A discussão sobre o sistema previdenciário e os modelos de financiamento tem se tornado cada vez mais relevante. O momento ainda é de incertezas, uma vez que o projeto que tramita atualmente no Congresso, apresentado pelo governo Temer, possivelmente deverá ser bastante desconfigurado pelos parlamentares da próxima legislatura, que toma posse no ano que vem. Portanto, o debate sobre o modelo de reforma previdenciária permanece totalmente aberto”, destaca a advogada Lúcia Noronha, coordenadora do evento e sócia do escritório Crivelli Advogados.

M.S.
Revista Apólice

Deixe uma resposta