A SulAmérica foi confirmada em um dos mais importantes índices internacionais de sustentabilidade, o FTSE4Good. Composto por empresas com fortes práticas dos fatores ASG (ambiental, social e de governança) – mais conhecida pela sigla em inglês, ESG – a listagem se vale de dados de domínio público, tais como relatórios financeiros e de sustentabilidade, atendendo aos rígidos critérios de seleção que analisam 300 indicadores diversos.

Com base nessa pontuação, a companhia – que é uma das signatárias fundadoras e conselheira da iniciativa dos Princípios para Sustentabilidade em Seguros (PSI) do Programa das Nações Unidas para o meio Ambiente para Instituições Financeiras (UNEP FI) – elevou o score de 3,7 para 3,9, sendo 5 o máximo, com destaque para dimensão da governança e melhora na dimensão social.

Para Tomás Carmona, superintendente de sustentabilidade da SulAmérica, o aumento na pontuação é reconhecimento pelo trabalho constante da seguradora em utilizar os critérios ASG no modelo de negócios, que se traduz em políticas e processos cada vez mais transparentes para clientes e stakeholders. “A confirmação no índice contribui para a companhia atrair investidores que acreditam na agenda de longo prazo e de impacto positivo na sociedade”, complementa Carmona.

O FTSE4Good é aferido pela Financial Times Stock Exchange (FTSE) Rusell, uma divisão da bolsa de valores de Londres. Ele norteia investidores na identificação de empresas que zelam pelas boas práticas de mercado e ainda é uma referência global para fundos de investimentos responsáveis.

M.S.
Revista Apólice

Deixe uma resposta