Dando continuidade ao plano de atuação com softwares que auxiliam o mercado segurador, a empresa especialista em soluções tecnológicas lança o Sistema Proevo Corretora, que foi executado após diversas pesquisas para perceber quais são as maiores dificuldades dos corretores de seguros, em compreender a complexidade de um processo de gestão. As informações foram coletadas através de enquetes com a categoria, onde tudo pode ser ajustado, de acordo com as necessidades do usuário.

Maurício Mello

Para agilizar a coleta de dados antes do lançamento, foi criada uma enquete dentro do Comitê de Tecnologia do Sincor-RJ, que com o suporte do Diretor de Ensino e Tecnologia, Arley Boullosa e a participação dos integrantes, houve a facilidade de moldar o sistema de acordo com o perfil de cada corretor de seguros.

A empresa disponibiliza o Proevo Corretora no período de 14 dias, para todos os interessados em conhecer o sistema possam ter acesso as suas funcionalidades. A mensalidade custa a partir de R$ 39,90 e o pacote de usuário pode ser elaborado de forma dinâmica e precisa.

O Proevo Corretora não precisa ser instalado, é online e o corretor de seguros monta o seu pacote de dados somente com as ferramentas nas quais precisam ser usadas. Dentro do sistema, é viável ter acesso aos negócios com uma gestão de oportunidades, uma agenda para programação de reuniões e tarefas inseridas no cotidiano profissional, é possível efetuar a importação de propostas, organizar a gestão financeira de forma eficiente, adicionar ou remover usuários, o parceiro ou preposto pode ser cadastrado e ter acesso ou não a algumas funções, controla o gerenciamento do recebimento de comissões com repasses dos parceiros de negócios da corretora, organiza todos os dados, caso uma empresa tenha filial com relatórios específicos e há um centro de custo, onde é possível estruturar toda rentabilidade de um negócio.

Para Maurício Mello, um dos gestores da empresa, mesmo com investimento de pesquisa, é necessário manter o padrão de qualidade no que diz respeito da metodologia em relação a funcionalidade. “Quando tivemos a oportunidade de estar no Sincor-RJ ouvindo as sugestões dos corretores de seguros durante o Comitê de Tecnologia, percebemos que cada integrante desses encontros tinham uma prioridade específica em relação as atribuições do sistema. Com objetivo de dinamizar e atender a todos, resolvemos montar pacotes que atendam os nossos clientes de acordo com o que for conveniente para sua empresa, sem alterar nenhuma característica na qual o padrão de qualidade fosse um empecilho e com isso, o projeto entrar em processo de declínio. É preciso ter muita cautela com dados e antes de qualquer lançamento, testamos e adequamos todas as ferramentas, para manter a excelência nesse novo projeto Proevo”, concluiu.

M.S.
Revista Apólice