A Associação Internacional de Direito do Seguro (AIDA) realizou, nos dias 15 e de 16 março, o XII Congresso Brasileiro de Direito de Seguro e Previdência. Promovido em São Paulo, o evento contou com o apoio da Escola Nacional de Seguros e da Associação dos Advogados de São Paulo (AASP).

O diretor geral da Escola, Renato Campos, participou da mesa de abertura e falou sobre as iniciativas da instituição para capacitar profissionais na área de Direito Securitário.

“Espero que possamos sair desse congresso mais qualificados e preparados para dar uma contribuição ainda maior ao nosso setor. Estejam certos de que essa é a intenção da nossa Escola e estaremos sempre de portas abertas para ajudá-los no desenvolvimento de suas carreiras”.

O Congresso também marcou a assinatura de convênio entre as duas entidades, que prevê a concessão de bolsas de estudo de até 20% a advogados membros da AIDA em cursos de Ensino Superior ministrados pela Escola. “Sem dúvida alguma é um grande benefício que a AIDA oferece aos seus associados e serve como estímulo para que os profissionais continuem buscando o aprimoramento por meio da educação continuada”, afirmou Campos.

De acordo com a presidente da AIDA Brasil, Ana Rita Petrarolli, o objetivo do congresso foi mostrar que é possível transformar uma linguagem técnica e complicada em uma linguagem que seja compreendida pelo consumidor. “Queremos provocar, criar uma ruptura na estrutura a que já estamos acostumados e poder inovar sem perder a sabedoria”, disse a executiva.

Já o vice-presidente da AIDA, Inaldo Bezerra, destacou que o evento foi uma oportunidade de promover um conhecimento mais profundo sobre os contratos de seguro. “Vamos nos concentrar para estudar ainda mais o contrato de seguro, esse eterno desconhecido, e nos dedicando sempre a atingir a defesa do direito do seguro e do mercado de seguros”, destacou.

Fonte: Escola Nacional de Seguros

L.S.
Revista Apólice

Deixe uma resposta