exposição

O Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) de Belo Horizonte prepara-se para receber mais uma exposição. Trata-se da mostra “O Corpo é a Casa”, do austríaco Erwin Wurm. A mostra, que tem patrocínio do Grupo BB e Mapfre, recebeu mais de 250 mil visitas por onde passou (São Paulo e Brasília) e agora ficará à disposição do público mineiro de 19 de julho a 18 de setembro deste ano.

Com curadoria de Marcello Dantas, a exposição é a primeira do artista no país e conta com mais de 40 obras, como a ‘A Casa Gorda’, que pesa duas toneladas e possui dimensões gigantescas; e outras interativas, como a série “Esculturas de um minuto”, em que os visitantes seguem as instruções do artista e tornam-se, por 60 segundos, a própria obra.

“Erwin Wurm é um artista singular, que consegue pegar objetos do cotidiano, como carros, roupas e alimentos, e reconfigurá-los para o campo da arte em perspectiva inesperada. E assim ele faz, de uma forma bem-humorada, os visitantes refletirem sobre a nossa sociedade atual. E para nós, que possuímos entre as nossas missões a democratização do acesso à cultura, é muito prazeroso viabilizar o acesso da população, de forma gratuita, aos trabalhos deste importante artista contemporâneo”, comenta Leonardo Mattedi, diretor geral de Administração, Finanças e Marketing do Gruppo

As séries “Dentro de casa” e “Comida” são outros núcleos que também integram a exposição. Além das esculturas, 13 vídeos do austríaco também estarão espalhados pelo CCBB-BH, em lugares inusitados, como banheiros, corredores e elevadores. E até a fachada do prédio receberá alguns objetos que Erwin criou para interagir com as pessoas que passarem pelo local.

Depois da temporada em Belo Horizonte, a mostra seguirá para o Rio de Janeiro.

Serviço

“O Corpo é a Casa”, de Erwin Wurm
Onde: Centro Cultural Banco do Brasil de Belo Horizonte (Praça da Liberdade, 450 – Funcionários)
Quando: de 19 de julho a 18 de setembro
Entrada gratuita

L.S.
Revista Apólice

Deixe uma resposta