CBF

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) fechou no dia 5 de maio, com o Itaú Seguros, o contrato que garante um seguro para todos os técnicos registrados no Boletim Informativo Diário (BID) da entidade. Até o momento já são 17 inscritos e, portanto, cobertos pelo auxílio. Outros 57 processos já foram iniciados no sistema.

Nos mesmos moldes do seguro dado aos jogadores, renovado recentemente, a apólice contratada fornecerá ao beneficiário cobertura por morte de qualquer natureza, invalidez permanente total ou parcial por acidente e invalidez funcional permanente ou total por doença. Todas as coberturas são calculadas conforme o salário registrado no BID, multiplicado o valor em doze vezes, até o limite de um milhão e duzentos mil reais.

Além desta cobertura, o contrato ainda prevê um auxílio funeral no valor de R$ 10 mil.

Vale ressaltar que os clubes podem registrar no BID técnicos de todas as suas categorias (base e profissional), e assim todos estarão contemplados pelo seguro. Nas competições da CBF, esta já é uma exigência, presente no REC (Regulamento Específico da Competição) de todas elas, sempre no Capítulo III.

Fonte: cbf.com.br

L.S.
Revista Apólice

Deixe uma resposta