Prêmio Melhores do Seguro

Pela primeira vez, a Revista Apólice destina o Prêmio Melhores do Seguro exclusivamente às corretoras de seguro. A premiação reconhecerá o trabalho dos corretores desta área, com destaque para a atuação empreendedora e inovadora no mercado.

Gratuitas, as inscrições já estão abertas e vão até o dia 30 de junho. Para participar, o corretor (de seguros, de planos de saúde e odontológicos, de capitalização, de previdência privada e de resseguros) deve preencher um formulário de inscrição no site www.premiomelhoresdoseguro.com.br, respondendo a questões que levarão à formulação do seu caso de sucesso.

O reconhecimento às corretoras não é novidade para a Revista Apólice, que em 2013 premiou a Camed Corretora de Seguros pelo Seguro de Vida do Agricultor Familiar – produto resultado de uma parceria da companhia com a Mapfre Seguros, o Banco do Nordeste (BNB) e o Instituto Nordeste Cidadania (Inec) que, em caso de falecimento do titular, garante indenização aos beneficiários, auxílio funeral e oferece sorteios mensais por meio da Loteria Federal.

Cynthia Benini, mestre de cerimônia do Prêmio Melhores do Seguro 2013; Bento Zanzini, diretor geral de Seguros de Pessoas da Mapfre; Pedro Barbato, presidente da Camacor; e Marcelo Azevedo Teixeira, diretor executivo da Camed Seguros
Cynthia Benini, mestre de cerimônia do Prêmio Melhores do Seguro 2013; Bento Zanzini, então diretor geral de Seguros de Pessoas da Mapfre; Pedro Barbato, presidente da Camacor; e Marcelo Azevedo Teixeira, diretor executivo da Camed Seguros

“A iniciativa é pioneira no Brasil e tem como público-alvo os clientes do Agroamigo, programa de microcrédito produtivo e orientado do BNB, que atende agricultores familiares do Grupo B do Pronaf – Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar. Para tanto, a renda bruta anual do agricultor deve ser de até R$ 6 mil, excluídos benefícios sociais e proventos previdenciários decorrentes de atividades rurais”, explicava o case, que afirmava ainda que “esta é uma ação de inclusão bancária e securitária, permitindo às famílias que trabalham no campo, até então excluídas do segmento de seguros, terem acesso a uma cobertura de baixo custo, que lhes oferece a tranquilidade de contar com um funeral digno, além de um valor para reequilibrar as finanças familiares no caso de falecimento de seu provedor”.

L.S.
Revista Apólice

Deixe uma resposta