Miguel Peürez Jaime, my finance coach ESPRO-6 1

Pouco antes de completar dois anos no País, o My Finance Coach, programa de educação financeira criado pelo Grupo Allianz, na Alemanha, atingiu a marca de cinco mil jovens brasileiros beneficiados, estudantes de 17 instituições de ensino, além de 190 colaboradores transformados em Finance Coaches (treinadores financeiros) por meio de mais de 400 horas de treinamento. Gratuita, a iniciativa vem sendo aplicada pela seguradora em escolas públicas e privadas e ONGs das capitais paulista e fluminense.

O último treinamento de 90 minutos sobre “Planejamento” foi marcado pela estreia de Miguel Pérez Jaime (foto), presidente da Allianz Seguros, como Finance Coach. Estiveram presentes cerca de 50 frequentadores da instituição Ensino Social Profissionalizante (Espro). “Participar do My Finance Coach é uma forma de contribuir com a sociedade e fixar conceitos e comportamentos fundamentais da educação financeira”, disse o executivo.

O principal objetivo do programa e de Miguel foi auxiliar e dar dicas aos jovens de como organizar as finanças e planejar o futuro, já que estão prestes a ingressar no mercado de trabalho e, portanto, ter contato com os primeiros salários. “Todo desenvolvimento de carreira passa pela vida pessoal e profissional e o My Finance Coach está integrado a esse processo porque traz experiências que podem agregar profissionalmente, mas, principalmente, na vida pessoal dos jovens”, concluiu Fabio Escaleira, superintendente administrativo financeiro do Espro.

Por meio do treinamento, desde jovens aprendizes até membros do Comitê Executivo da Allianz levam conhecimentos sobre finanças pessoais a crianças e adolescentes de 10 a 16 anos. “Nós somos jovens ainda, não sabemos direito o que fazer com o dinheiro. Só que a partir de agora vou fazer um planejamento para não me perder com os meus ganhos e gastos”, disse Fabiana Cruz, de 16 anos, estudante do 3º ano do Ensino Médio e do Curso de Formação para o Mundo do Trabalho do Espro.

Estefani Antunes, de 17 anos, também estudante do 3º ano do Ensino Médio e do Curso de Formação para o Mundo do Trabalho do Espro, pretende começar a planejar a sua faculdade e ajudar a sua família. “Com certeza, a partir de agora, vou conseguir organizar as minhas contas e da minha família”, afirmou.

L.S.
Revista Apólice

Deixe uma resposta