O aumento da conscientização sobre a importância do seguro vem crescendo na região Nordeste. O Grupo BB e Mapfre encerrou 2013 com 64,3 mil residências seguradas, registrando um crescimento de 54% em relação a 2012, período que alcançou 41,8 mil contratos fechados.
“Uma apólice custa R$ 180 ao ano, em média. É um custo baixo para garantir a reposição do maior patrimônio físico que a pessoa possui”, explica Mauricio Galian, diretor geral de Massificados do Grupo. “Na relação custo do patrimônio versus custo da apólice, se o compararmos com outras modalidades de seguros, como o de automóveis, o seguro residencial é bastante acessível”, completa.
O aumento da demanda vem sendo impulsionado pelas coberturas de incêndio, roubo/furto e pelas assistências gratuitas, como de eletricista, encanador, substituição de telhas, limpeza de caixa d’água e calha, contratação do serviço de descarte inteligente e de orientação ambiental, entre outros serviços.

T.C.
Revista Apólice

 

Deixe uma resposta