A telessubscrição de risco, ou seja, o uso da entrevista por telefone para coleta de informações, tem sido adotada pelo mercado segurador mundial em busca de um melhor detalhamento do perfil de risco e do histórico de saúde do segurado. Essa metodologia colabora para as seguradoras oferecerem coberturas e serviços diferenciados aos seus clientes.

No Brasil, a Liberty Seguros observou resultados positivos após adotar o uso da telessubscrição no canal corretor para vendas de seguro de vida individual. Após dois anos da implantação, a seguradora registrou aumento de 400% nas vendas do produto. A telessubscrição é realizada por uma equipe de médicos e enfermeiros dedicados exclusivamente ao atendimento e análise de risco.

“A entrevista por telefone aperfeiçoa o nosso trabalho de coleta e análise de informação com total privacidade do cliente. Dessa forma, personalizamos o atendimento e conseguimos entregar um serviço de alta qualidade mais adequado à necessidade dos segurados e corretores”, diz Alexandre Vicente, diretor de produtos Vida da Liberty Seguros.

A telessubscrição no canal corretor é aplicada em todas as vendas do seguro Vida Perfil. Com isso, o corretor parceiro da seguradora faz a oferta do seguro e direciona o segurado para a equipe de médicos e enfermeiros, os quais fazem a análise das informações e o preenchimento do questionário de saúde. “O esforço do nosso corretor é focado na venda consultiva e relacionamento com seus clientes”, afirma.

Outro diferencial do produto Vida Perfil da Liberty Seguros é o serviço gratuito de personal fitness. “O nosso cliente que pretende fazer exercícios pode ligar para central e pedir orientações. Com base na análise de seu perfil, uma equipe de profissionais de Educação Física sugere quais atividades ele pode praticar de acordo com suas condições físicas e de saúde”, explica o executivo.

 

J.N.

Revista Apólice

Deixe uma resposta