Para debater sobre este e outros temas, a Associação Nacional dos Hospitais Privados (Anahp) reunirá Taisa Silva Bonelli, diretora comercial do Hospital Mater Dei (MG), que falará sobre o andamento do GT ANS sobre novos modelos de remuneração hospitalar; Carlos Oyama, diretor de suprimentos do Hospital Israelita Albert Einstein (SP), que abordará a questão do desafio para a gestão de suprimentos e logística frente às mudanças do modelo de remuneração hospitalar.  Também participarão dos debates Clodoaldo Kors Reis, gerente nacional de vendas da Surgical Solutions, Covidien;e Ary Ribeiro, superintendente de serviços ambulatoriais HCor (SP).
A entidade participa ativamente do Grupo de Trabalho (GT) da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) sobre novos modelos de remuneração, que conta com participação de diversos representantes da cadeia de saúde privada, além da intermediação e uma atenção especial por parte da agência reguladora. Contudo, o sistema atual de remuneração do setor ainda não chegou a um modelo com regras totalmente bem definidas. “O objetivo dessa iniciativa é encontrar uma alternativa que seja benéfica tanto para os prestadores quanto para as operadoras de planos de saúde. Esse, sem dúvida, é o nosso grande desafio”, afirma Francisco Balestrin, presidente do Conselho de Administração da Anahp.
O evento acontece no anfiteatro do Hospital Alemão Oswaldo Cruz,em São Paulo.

A.C.
Revista Apólice

Deixe uma resposta