A saúde dos altos executivos brasileiros inspira redobrada atenção. É o que identificou a Bradesco Saúde, por meio do Programa “Juntos pela Saúde”, em 3.500 mil check ups, realizados nos 12 meses encerrados em setembro de 2012. Os check ups são de executivos de empresas do Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Paraná, Minas Gerais e São Paulo. Os homens representam 67% e as mulheres 33% do universo pesquisado, com idades entre 28 e 58 anos. A maior concentração (62%) está na faixa dos 34 aos 48 anos.
As entrevistas e os exames identificaram elevados fatores de risco como sobrepeso e obesidade (respectivamente 42,8 e 21,7%); sedentarismo (60,2%); aumento da circunferência abdominal (58,1%) e tabagismo (9,2%), assim como uma incidência importante de diabetes, hipertensão arterial e dislipidemia (alteração no metabolistmo dos lipídeos). Vale registrar que houve avanço de 5,7 pontos percentuais no contingente de executivos obesos, comparada à bateria de exames realizada em 2011, o que demonstra piora desse indicador, apesar de ter sido verificada redução de 2,2 pontos percentuais em sobrepeso.
Alguns sinais vermelhos: 14,1% dos executivos só descobriram ter diabetes no check up, 28,6% tinham excesso de gordura no fígado, 61% apresentaram algum tipo de alteração no metabolistmo dos lipídeos (dislipidemia), 11,1% tinham probabilidade de desenvolver doença cardiovascular nos próximos dez anos e 12,1% apresentaram alterações no teste ergométrico. Em relação a 2011, houve aumento de 3,7 pontos percentuais na probabilidade de desenvolver doença cardiovascular nos próximos dez anos e aumento de 2,3 pontos percentuais nas pessoas que apresentaram alterações no teste ergométrico.
Conjugados com o trabalho estressante, a alimentação irregular e as viagens rotineiras, esses fatores de risco podem abreviar carreiras, caso os executivos não priorizem a saúde, revendo seus hábitos alimentares e dedicando-se à prática de exercícios físicos regulares. A mudança de hábitos faz parte do roteiro do Programa “Juntos pela Saúde”, desenvolvido pela Bradesco Saúde. A seguradora é líder do mercado de saúde suplementar no segmento de planos e seguros coletivos, integrado por 95% do total de seus beneficiários.
O Programa “Juntos pela Saúde” é um conjunto de ações que incentivam os segurados dos planos empresariais a praticar uma vida saudável, desde a adoção de cuidados preventivos, até a adesão a programas de monitoramento e orientação para mudanças de hábitos de vida.

 

Piora a Saúde dos Executivos Brasileiros

Check ups                                                      12M até Set. 2012*      12M até Set. 2011*

Sobrepeso                                                                           42,78%                      45%

Obesidade                                                                           21,71%                      16%

Sedentarismo                                                                    60,25%                     63,82%

Tabagismo                                                                           9,18%                        8%

Circunferência Abdominal                                         58,10%                     55,55%

Gordura no fígado                                                          28,56%                       30%

Diabetes                                                                             15,93%                       15%

Alterações no Teste Ergonométrico                      12,10%                        9,80%

Risco doenças vasculares >10 anos                        11,07%                      7,20%

 

Fonte: Bradesco Saúde – Programa Juntos pela Saúde

* Os dados apresentados não referem-se necessariamente à mesma população analisada nos dois períodos citados.

 

K.L.
Revista Apólice

Deixe uma resposta