Dando continuidade ao trabalho de inclusão social e acesso aos benefícios do seguro, a Camed Corretora e Mapfre Seguros, em parceria com o Banco do Nordeste,  lançam o “Seguro de Vida do Agricultor Familiar”, classificado no segmento de seguros populares.

Nos moldes do “Vida Crediamigo” – outro seguro popular voltado a micro empreendedores dos setores informal ou formal da economia das áreas urbanas, O seguro de vida do agricultor familiar é um produto voltado para os agricultores do programa Agroamigo, o  maior programa de microfinança rural do Banco do Nordeste.

O seguro inclui as coberturas de morte, no valor de R$ 3 mil, e auxílio-funeral, no valor R$ 840,00 e, ao adquiri-lo, o titular concorre automaticamente a quatro sorteios mensais no valor de R$ 1.500, cada.

“O seguro de vida é um item importante que, mediante modesto desembolso mensal, permite à família, na falta de seu provedor, um tempo determinado para equilíbrio na nova realidade. No caso do auxílio-funeral, permite às famílias passar com dignidade pelo último momento do seu ente querido”, afirma Bento Zanzini, diretor-geral da Mapfre Seguros.

Podem ter acesso ao “Seguro de Vida do Agricultor Familiar” os agricultores familiares tomadores do crédito Agroamigo, que o Banco do Nordeste operacionaliza em parceria com o Instituto Nordeste Cidadania e com Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). Trata-se de uma iniciativa pioneira no Brasil, que visa à concessão de financiamento para agricultores familiares com enquadramento no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), classificados no Grupo B, e exploram parcela de terra na condição de proprietários, posseiros, arrendatários ou parceiros. Para tanto, a renda bruta anual do agricultor deve ser de até R$ 6.000,00, excluídos benefícios sociais e proventos previdenciários decorrentes de atividades rurais. O seguro será comercializado por meio da equipe especializada do Instituto Nordeste Cidadania (INEC).

 

G.F.

Revista Apólice

Deixe uma resposta