O Tracker Log acaba de ganhar sete novas funções, que vão dar mais praticidade para o cliente. O produto é imune à ação de inibidores de sinais e permite monitorar e gerenciar todo o eco-sistema de transporte e logística em 360° (Casco + Motorista + Plano de Gerenciamento Logístico). Atende desde as necessidades dos Transportadores, Embarcadores e Gerenciadoras de Risco, até frotas que prestam serviços nos mais variados mercados, como táxis e transporte urbano.

Uma das novidades é a visualização das informações de forma intuitiva, com acesso rápido aos principais dados do veículo. “Basta passar o mouse por cima do veículo escolhido que rapidamente abrirá um pop up com as últimas informações”, afirma o gerente de marketing do Grupo Tracker, Marcelo Orsi. Outras funções importantes são o mapa inicial com facilidades para a visualização do grid com as últimas posições dos veículos; e a agenda configurável conforme necessidade do cliente. “Ele pode criar eventos e cadastrá-los por datas que o sistema lhe avisará. Por exemplo, o vencimento da carteira de habilitação, troca de pneus, óleo entre outros”, complementa Orsi.

O produto disponibiliza ainda acesso rápido a atalhos de informações; relatórios mais fáceis de construir e de extrair (via .pdf ou Excel); a possibilidade de agrupar veículos para facilitar a criação de regras e visualização no mapa; e a criação e administração de rotas, que permitem a emissão de relatórios gerenciais.

O Tracker Log possui ainda acelerômetro, antena interna, bateria back-up e o cartão SIM – resistente a temperaturas altas, umidade, trepidações e poeira. Oferece alerta via e-mail e SMS; integração para Smartphone (Android, Blackberry, Nokia, Iphone); agenda de manutenção (pneu e óleo); perfil de motorista; possibilidades para criação de novos usuários com acessos diferenciados (autorização para visualização de determinados relatórios, restrição para criação de cercas, e etc). Emite relatório de crash, telemetria, hábitos de condução e gerenciamento de frotas. Permite ainda a configuração de cercas, rotas, alertas e POI – Pontos de Interesse (lista completa de características abaixo). O rastreador é imune à ação dos inibidores de sinais, porque utiliza a tecnologia de radiofrequência, juntamente com o GPS/GPRS. “Quando o sistema identifica a aproximação do jammer, ele informa a central via SMS que tem alguém tentando embaralhar o sinal GPS/GPRS. Caso esse sinal realmente caia, a radiofrequência entra em ação e as equipes de pronta resposta da Tracker iniciam as buscas”, explica Marcelo Orsi. A radiofrequência também é a única capaz de localizar veículos em lugares fechados como túneis garagens e subsolos.

 

G.F.

Revista Apólice

Deixe uma resposta