A Zurich Seguros designou o executivo Hyung Mo Sung para o cargo de CEO de seguro gerais no Brasil. Hyung Mo Sung ingressou na Zurich Seguros em setembro de 2011 como vice-presidente de linhas pessoais para a América Latina. Com graduação e mestrado em Economia pela FEA/USP, Hyung Mo Sung tem quase 30 anos de experiência no mercado segurador, incluindo passagens pela Mapfre (onde atuou como vice-presidente executivo de canais e vice-presidente de vendas e distribuição, dentre outros) e pela Mitsui Sumitomo Seguros (sua última posição antes da Zurich e na qual foi vice-presidente executivo). O profissional é membro do Conselho de Desenvolvimento da CNSEG e Mentor do Programa de Gestão de Desenvolvimento da USP.

“Estou certo de que a trajetória e a experiência de Hyung contribuirão para impulsionar a área de seguros gerais no Brasil rumo ao próximo nível de crescimento e desenvolvimento, cumprindo nossa aspiração de nos tornarmos a melhor seguradora global na região, segundo os nossos clientes, colaboradores, parceiros de negócios e acionistas”, afirma Antonio Cássio dos Santos, Chairman do Grupo Zurich na América Latina e CEO de seguros gerais para a mesma região.

Hyung Mo Sung ressalta que os planos da Zurich para o Brasil são ambiciosos. “Depois da aquisição da Minas Brasil e a joint venture com o Santander, continuamos investindo no Brasil, especialmente nas áreas de tecnologia, infraestrutura e contratação de pessoas. Lançamos também nossa primeira campanha publicitária de massa em 2011, que terá continuidade e será expandida este ano”, afirma o novo CEO de Seguros Gerais.

Segundo o executivo, a estratégia da seguradora é multicanal e multiproduto, que, atualmente, está dividida em quatro grandes segmentos: linhas pessoais; seguros corporativos (grandes e médias); massificados; e vendas & distribuição. “Desenvolvemos produtos que tenham um valor significativo para os segurados (como as coberturas de desemprego e doenças graves no seguro de automóvel), adequados a realidade local e com expertise em subscrição internacional. Então, identificamos o canal de distribuição mais adequado, tendo no corretor de seguros um papel central”. Hyung Mo Sung explica que a atuação da Zurich é ampla e pode ser verificada, por exemplo, no seguro de quatro estádios que irão abrigar a Copa do Mundo, a parceria com a Vivo para seguros de celulares e as inovações nos segmentos de D&O, RC Profissional e Seguro de Risco Político.

 

G.F.

Revista Apólice

 

Deixe uma resposta