O projeto Estou Seguro, da CNseg e do IETS (Instituto de Estudos do Trabalho e Sociedade), vai realizar um mutirão de coleta seletiva de lixo no dia 17, das 9 às 13 horas, na comunidade Santa Marta, em Botafogo. A iniciativa mobilizará aproximadamente 100 moradores da comunidade, que serão divididos em cinco equipes de limpeza, com apoio técnico de oito garis da Comlurb (Companhia Municipal de Limpeza Urbana).
O objetivo da ação é desenvolver entre os moradores conceitos de gerenciamento de riscos e prevenção de doenças e de acidentes pessoais. Este será o primeiro mutirão de coleta seletiva da segunda fase do projeto, de um total de quatro programados até o fim de 2012. “O nosso desafio maior é ampliar o acesso ao seguro às famílias de um estrato social que ganhou renda e consequentemente poder de compra nos últimos 10 anos. A proposta é orientar esses novos consumidores a planejar suas finanças para garantir suas conquistas e ter melhor qualidade de vida. E o seguro é uma ferramenta estratégica de organização financeira, que cumpre esse papel de proteger o patrimônio das pessoas e instituições”, explica a diretora-executiva da CNseg, Solange Beatriz Palheiro Mendes.
O ponto de encontro será o campo de futebol do pico do morro. Às 9h30, será realizada uma Oficina de Material Reciclável com cerca de 100 crianças. A oficina será conduzida por quatro instrutores do Núcleo de Justiça Comunitária da comunidade, que vão ensinar a fazer brinquedos com sucata e a separar o lixo em suas casas. Paralelamente, os voluntários, divididos em cinco equipes, iniciarão o trabalho de coleta seletiva na Santa Marta.
A equipe Vala, com apoio da Comlurb, será responsável pela limpeza das valas da comunidade. O grupo Sabão em Pó vai lavar o chão por onde o lixo for retirado. A equipe Becos ficará responsável pela coleta nos becos, o grupo Vassouras fará a varrição do caminho principal e a equipe Aromatizadores do Bonde vai amenizar o mau cheiro por onde o lixo é transportado. Também participam desta ação coletiva a Associação de Moradores da Santa Marta, Grupo ECO, Núcleo de Justiça Comunitária, Posto de Saúde da Família, Igreja Batista e Grupo Jiu-Jitsu.
Além do mutirão de coleta seletiva, estão previstas para a segunda fase do projeto Estou Seguro – lançada em 6 de novembro – outras atividades, entre elas: instalação de quiosques móveis para orientação sobre seguro; distribuição da cartilha Família Estou Seguro, preparada a partir da identificação das necessidades de proteção às conquistas das famílias da comunidade; ações na Casa do Seguro, espaço para interação com os moradores; e cursos de habilitação para corretores de Vida e Capitalização para moradores do Santa Marta.

G.F.
Revista Apólice

Deixe uma resposta