17/08/2022

Mercado de capitalização em SP fatura R$ 2,3 bi até agosto de 2009

Setor cresce 12% em relação ao mesmo período de 2008 e registra em agosto a marca de R$ 14,2 bilhões em reservas

O mercado de títulos de capitalização mantém seu ritmo de expansão na economia brasileira. De acordo com a FenaCap (Federação Nacional de Capitalização), o faturamento acumulado do setor chega a R$ 6,4 bilhões até agosto deste ano. Este desempenho é 12% maior em relação ao mesmo período de 2008. A receita do oitavo mês de 2009 alcança R$ 889 milhões e as reservas somam R$ 14,2 bilhões, alta de 11% em relação ao ano passado.

Em agosto, no estado de São Paulo, o setor atingiu o faturamento de R$ 333 milhões. No acumulado de janeiro a agosto, a receita no estado atinge R$ 2,3 bilhões. O Estado se mantém na 1º colocação, com 37% de representatividade do mercado, no ranking nacional.

Segundo Hélio Portocarrero, diretor-executivo da Federação, que reúne as 11 companhias atuantes no setor, o consumidor tem investido cada vez mais em títulos de capitalização como opção para poupar a médio e longo prazo. ?Temos crescido a cada mês, somente em agosto tivemos um faturamento de R$ 889 milhões. Isso mostra não só o crescimento do setor, mas também que a satisfação dos clientes com o produto se mantém?, ressalta o executivo.

Na classificação nacional, São Paulo corresponde a 36,6% do setor, com R$ 2,3 bilhões de receita até agosto. O Rio de Janeiro ocupa a segunda posição com a fatia de 10,3% do mercado e R$ 668 milhões faturados, e Minas Gerais detém 8,9% do segmento e totaliza R$ 573 milhões, o que garante a terceira colocação ao estado.